Envie para um amigo

Robôs avaliam a qualidade da água na Califórnia e twittam os resultados

Para ficar de olho na qualidade da água na Califórnia, uma equipe da Universidade de Berkeley desenvolveu robôs que não apenas flutuam pelos recursos hídricos medindo alguns indicadores de qualidade, mas também twittam suas descobertas.

Este projeto é uma nova abordagem para medir a qualidade da água, substituindo sensores de locais fixos por unidades móveis que podem monitorar uma variedade de locais.

A equipe, chefiada por Alexandre Bayen do Centro de Pesquisa Tecnologia da Informação liberou cem robôs no rio Sacramento, que é utilizado pela maioria dos californianos para obter água potável e água para irrigação.

Os robôs, equipados com unidades de GPS, flutuam pelos rios, fornecendo um entendimento mais dinâmico e pormenorizado do estado de suas águas. Além disso, eles usam o Twitter para relatar o que encontram, e que pode ser conferido por qualquer um no: @fsnandroid61.

Por enquanto, os robôs só medem a poluição, salinidade e fluxo da água. Mas, as versões futuras poderão ser modificadas para testar outras variáveis, e poderem até ser utilizadas em situações de emergência, tais como falhas de barragens ou derramamento de contaminantes, fornecendo resultados em tempo real do que está acontecendo.

 

Deixe um comentário