Envie para um amigo

5 cartões-postais que já serviram para transportar água um dia

O que os Arcos da Lapa no Rio de Janeiro, o Pontcysyllte na Hungria, Pegões em Portugal, Cesárea em Israel e Segovia na Espanha tem em comum, além da magnífica paisagem arquitetônica digna de cartões postais?

Todos esses monumentos foram aquedutos utilizados no passado para abastecer casas e bairros, que permanecem intactos até hoje, surpreendendo turistas e visitantes de todo o mundo.

Confira abaixo alguns deles:

 

ARCOS DA LAPA

O monumento carioca, composto por 42 arcos duplos, foi construído para abastecer os bairros mais distantes da cidade. Em 1896 foi transformado em um viaduto de bondes, e permanece até hoje como o principal acesso ao bairro Santa Teresa.

 

 

PONT  CYSYLLTE

Construído há mais de dois séculos e tombado patrimônio da humanidade em 2009, esse monumento de 126 metros de altura foi feito de ferro fundido e ainda hoje cumpre a sua função original.

 

 

PEGÕES

Com 6 Km de extensão, esse monumento construído no século 16 tinha a finalidade exclusiva de abatecer de água um convento na cidade portuguesa de Tomar.

 

 

 

CESAREA

Um dos monumentos mais bem preservados da região de Israel, que sobreviveu desde o Império Romano.  Na época, a cidade não contava com água o suficiente, então construiu esse aqueduto que trazia água desde o Monte Carmelo.

 

 

SEGOVIA

O monumento, que permaneceu em uso até metade do século 20 transportando as águas do Rio Frio,  é uma prova da engenhosidade dos romanos. Sua beleza atrai milhares de turistas a cidade espanhola, todos os anos.

 

E aí, qual é o seu preferido?

Deixe um comentário